Câncer de cabeça e pescoço

Atualizado: 13 de dez. de 2021

Os tumores malignos de cabeça e pescoço correspondem a 3% de todos os tipos de câncer



Os cânceres de cavidade oral e laringe são os tumores mais comuns dessa região. Estima-se que cerca de 15 mil novos casos de câncer de cavidade oral surjam por ano no Brasil, segundo o INCA, sendo 80% em homens. Os principais fatores de risco para essa neoplasia são: Etilismo; Tabagismo; Infecção pelo HPV.


SINTOMAS

-Rouquidão persistente; -Nódulos cervicais que crescem; -Afta ou lesão que não cicatriza há mais de 15 dias; -Sensação de espinho ou dor na garganta contínua; -Sangramento ou obstruções nasais frequentes; dores constantes no ouvido; -Manchas brancas na boca; -Lesão ulcerada ou com sangramento e cicatrização demorada; -Nódulos no pescoço presentes por mais de duas semanas; -Mudanças na voz, além de rouquidão persistente; -Dificuldade para engolir.



 

Estruturas anatômicas acometidas pelo câncer de cabeça e pescoço:


Cavidade nasal e seios paranasais - Maxilares, frontais, etmoidais e esfenoidais;


Cavidade oral - Inclui lábios, língua, assoalho da boca e palato – que se divide em mole e duro – mais conhecido como céu da boca;


3 porções da Faringe - Nasofaringe (atrás da cavidade nasal), orofaringe (onde se encontra a amígdala e a base da língua) e hipofaringe (porção final da faringe, junto ao início do esôfago);


3 porções da Laringe - Supraglote, glote e subglote.

 

Outras estruturas:

-Glândulas salivares;

-Vasos sanguíneos;

-Músculos e nervos da região;

-Glândula tireoide.


 

Há um médico cirurgião especialista nessas doenças, que ajuda o oncologista no diagnóstico, acompanhamento e tratamento das neoplasias dessa região – o Cirurgião de Cabeça e Pescoço.

10 visualizações

Posts recentes

Ver tudo